Eike vai procurar Dilma para apresentar planos da sua montadora

Empresário, dono do grupo EBX, planeja investir US$ 1 bilhão para atuar no segmento automotivo.
Fonte: Daniela Barbosa, de
 
Fernando Cavalcanti/EXAME.com – Eike Batista: montadora vai produzir 400.000 mil carros por ano
 
 
São Paulo – Eike Batista, dono do Grupo EBX, está mesmo interessado em instalar uma montadora de automóveis próximo ao Porto de Açu, em São João da Barra, no Rio de Janeiro. Segundo o empresário, até o fim deste semestre, o nome da montadora que será sua parceira na empreitada deve ser anunciado. Neste mesmo prazo, uma proposta será apresentada à presidente Dilma Rousseff sobre o projeto de construção da fábrica. “Gostei muito do modelo de negócio e enxergo um aumento no consumo de veículos nos próximos anos”, afirmou Eike, em conferência ao mercado, nesta quarta-feira (9/2).

Os investimentos para a construção da fábrica vão girar em torno de 1 bilhão de dólares. Nomes de duas possíveis montadoras foram citados durante a teleconferência: o da japonesa Nissan e da indiana Tata. Eike, no entanto, não confirmou nenhum dos nomes. Segundo informações publicadas pelo jornal O Estado de S.Paulo recentemente, o presidente da Nissan do Brasil, Christian Meunier, afirmou que a montadora mantém negociações com a EBX, mas ainda não há nenhuma decisão tomada.

A montadora do grupo EBX terá capacidade de produzir cerca de 400.000 carros por ano, com até dez modelos diferentes. Em 2010, a indústria brasileira de veículos produziu mais de 3,6 milhões de carros, segundo dados da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

O objetivo do grupo EBX é fabricar carros pequenos, como o modelo Smart, da Mercedes, e também carros elétricos. As condições favoráveis de logísticas devem baratear em até 200 dólares os custos da produção por automóvel, tornando o mercado automotivo brasileiro mais competitivo.