Taxa de juro para pessoa física é a menor da série do BC

Fonte: Azelma Rodrigues | Valor Economico

BRASÍLIA – A taxa média de juros bancários caiu 0,6 ponto percentual entre outubro e novembro, de 35,4% ao ano para 34,8%. Esse percentual corresponde à média das taxas cobradas em operações prefixadas, pós-fixadas e flutuantes, com pessoas físicas e jurídicas. Os juros médios para pessoa física cederam 1,3 ponto percentual, para 39,1%, a menor taxa da série iniciada em julho de 1994. A taxa média de juros da pessoa jurídica, no entanto, cedeu, de 28,7% para 28,6%.

Os dados foram apresentados há instantes pelo Banco Central (BC). A taxa média de juros é apurada pelo BC tomando-se volume específico de operações de crédito livre com base em juros prefixados, pós-fixados e flutuantes, nos empréstimos concedidos a pessoas físicas e jurídicas.
 
Tomando-se apenas as operações prefixadas, a taxa média de juros saiu de 40,3% em outubro para 39,1% um mês depois, o que implica uma queda de 1,2 ponto percentual. O spread, ou ganho dos bancos com a diferença entre as taxas de aplicação e de captação, diminui para 23,6% em novembro, depois de ficar em 24,4% em outubro, também considerando a média das três modalidades de juros para financiamento.

Os bancos aumentaram em 0,2 ponto a taxa geral de captação, para 11,2%.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: