Veja prós e contras de comprar carro zero em dezembro e em janeiro

Fonte: G1

Especialistas dão dicas sobre como aproveitar melhor as promoções.
Segundo eles, fim do ano tem mais opções, mas janeiro ganha em preço.

Comprar o carro agora, em dezembro, ou deixar para janeiro? A pergunta é muito comum entre os consumidores que querem aproveitar o 13º salário para começar 2011 com automóvel novo. Especialistas consultados pelo G1 afirmam que não existe a “melhor data”: tudo vai depender do que o consumidor quer. Os dois meses trazem vantagens e desvantagens. Mas o primeiro ponto a ser levado em consideração é a disponibilidade de produto no mercado. Se deixar a compra para janeiro, o consumidor pode não encontrar exatamente o que procurava.

                                                                      

De acordo com o professor de Economia da FGV-EAESP, Evaldo Alves, em janeiro o interessado corre o risco de não ter disponível o veículo na cor e com os itens de série específicos que deseja. “A oferta é menor do que em dezembro, então tem menos diversidade”, explica.

Por outro lado, apesar de dezembro ter mais veículos em estoque, os preços sobem e os prazos para financiamento diminuem. Tudo isso por causa da alta procura estimulada pelo 13º salário. “Em dezembro, você pode até conseguir algum bônus, caso a montadora não tenha atingido sua meta para o ano, mas, no geral, muitos benefícios que reduzem o preço final do carro ficam mais difíceis de conseguir”, destaca Alves, que também alerta para a redução das promoções no fim do ano.

O ‘fantasma’ do carro 2010
Tanto o mês de dezembro quanto o de janeiro são acompanhados pelo “fantasma” do carro 2010. Ao contrário do que muitos pensam, de acordo com o professor de Finanças da Brazilian Business School, Rodrigo Rasga, o modelo fabricado no ano que está terminando ou que acabou recentemente não será mais desvalorizado na revenda. “As montadoras, de forma geral, já antecipam o modelo 2011 para produção em 2010, por exemplo. Isso é feito há muitos anos. Então, não se perde nada em relação ao modelo”, destaca Rasga.

Porém, ao considerar os impostos, segundo o professor, é mais vantajoso comprar o carro em janeiro do que em dezembro. “Se você compra no ano seguinte, vai usufruir do IPVA durante o ano inteiro de 2011. Mas, se você compra em 2010, vai ter que pagar também o imposto desse ano [proporcional, ou seja, 1/12 do valor do IPVA, na compra em dezembro]”, destaca o professor da Brazilian Business School.

Financiamento no longo prazo é risco
Pagar o carro à vista, com ajuda do 13º salário, é a opção mais recomendável, diz Evaldo Alves,  porque permite uma margem maior de desconto. “Nesse caso, o poder de barganha na concessionária é muito maior”, diz o professor da FGV-EAESP.

Se quitar tudo de uma vez não for possível, então o conselho dos especialistas é conseguir pagar o máximo possível na entrada. Até porque as restrições de crédito para este final de ano estão maiores por causa da decisão do Banco Central de aumentar o compulsório e restringir os empréstimos de longo prazo.

De acordo com Rodrigo Rasga, mesmo com o crédito aprovado, o risco é muito grande de se fazer financiamentos em longo prazo, como aqueles oferecidos para 72 meses. “É uma forma financeiramente perigosa”, avalia. Evaldo Alves aconselha financiar o veículo em, no máximo, 36 meses e com o cuidado de não comprometer mais de 30% da renda. “Por isso uma boa entrada é muito importante. Além de reduzir o valor do financiamento e o número das parcelas, o consumidor paga menos juros, que no Brasil são muito altos”, explica Alves.

E se não for possível comprar um carro novo à vista, mas o dinheiro economizado garantir a aquisição de um modelo seminovo ou até mesmo usado, Rasga recomenda avaliar esta opção. Segundo ele, o mercado de usados está extremamente desvalorizado, justamente por causa das facilidades no mercado de novos. Assim, as chances de se encontrar um carro em bom estado e com preço vantajoso são grandes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: